Comissão de Constituição e Justiça vai levar demandas de segurança de Aracruz ao Governo do Estado

por Isaac Ribeiro — publicado 18/05/2017 21h00, última modificação 05/10/2017 09h59
Até o fim da tarde de quinta-feira (18), 21 assassinatos foram registrados na cidade.

A Comissão Constituição, Legislação, Justiça e Redação da Câmara Municipal de Aracruz, presidida pelo vereador Fabio Netto (PCdoB) e composta também pelos vereadores Alexandre Manhães (PMDB) e Dileuza (PSB), reuniu diversos agentes de segurança e sociedade civil organizada para discutir os índices de criminalidade no município. Até o fim da tarde de quinta-feira (18), 21 assassinatos foram registrados na cidade. O presidente da Câmara, vereador Alcântaro Filho (Rede) também participou da reunião.

 O encontro reuniu os vereadores Paulo Flávio (PRB); Mônica Cordeiro (PDT); Adeir (PTB); Celson da Farmácia (PRB); Carlinhos do Josiel (PP); Carlito Candin (PRP); Romildo Broetto (PV); o vice-prefeito Lucio Zanol; o comandante do 5º Batalhão de Polícia Militar; oficiais do Corpo de Bombeiros; representantes do Conselho Interativo de Segurança de Aracruz (CISA); conselheiros tutelares; membros do Conselho Popular de Aracruz (Conspar) e o; presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Erick Musso (PMDB).

Os convidados apresentaram as demandas das comunidades e questionaram sobre melhorias na área da segurança pública para a cidade. O comandante 5º BPM, tenente-coronel Porto explicou que a Polícia Militar está atuante e que vai desenvolver um programa de segurança que deverá ser implantado em breve no município. Na reunião, foi criada uma comissão para discutir o assunto envolvendo agentes do Governo do Estado, principalmente, da Secretaria de Estado da Segurança Pública.

O comandante da PM em Aracruz informou as ações da corporação

 

Abastecimento de água

Já no dia (16), os membros da Comissão e demais vereadores trabalharam a pauta relacionada ao abastecimento de água potável nas comunidades de Laginha, Boa Vista, Santa Rosa, Mucuratá I e II, Baiacu, Pirassununga, e discutiram também revitalização do manguezal. Neste encontro estiveram presentes os secretários municipais de Agricultura; Meio Ambiente; Desenvolvimento Social; representantes do Incaper; do Saae de Aracruz; Projeto Peroá; Associação de Pescadores e Catadores de Mariscos; lideranças comunitárias de Laginha, Santa Rosa, Pirassununga, Irajá.

 

Os moradores cobraram melhorias no sistema de abastecimento de água

 

Informações à imprensa:

Jornalista responsável: Isaac Ribeiro

Contato 27 3256- 9489 | 9 9946-6918

E-mail: comunicacao@cma.es.gov.br

Facebook: https://www.facebook.com/camaraaracruz

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.